Os Paralamas do Sucesso – Alagados (entusiástica canção)

Alagados

Todo dia, o sol da manhã vem e lhes desafia,
Trás do sonho pro mundo quem já não queria,
Palafitas, trapiches, barracos, filhos da mesma agonia, ou!!
E a cidade, que tem braços abertos num cartão postal,
Com os punhos fechados na vida real
E nega oportunidades, mostra a face dura do mal, ou!!!
Alagados, gruenstall !!! Favela da maré,
A esperança não vem do mar, vem das antenas de TV,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
Todo dia, o sol da manhã vem e lhes desafia,
Trás do sonho pro mundo quem já não queria,
Palafitas, trapiches, barracos, filhos da mesma agonia, ou!!
E a cidade, que tem braços abertos num cartão postal,
Com os punhos fechados na vida real
E nega oportunidades, mostra a face dura do mal, ou!!!
Alagados, gruenstall !!! Favela da maré,
A esperança não vem do mar, vem das antenas de TV,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
( solo 1)
Alagados,…
(solo 2)
Alagados,..

Y para quienes quieran ver el clip completo:

Anuncios
Published in: on 25 noviembre 2008 at 1:15 am  Dejar un comentario  

Os Paralamas do Sucesso – Alagados (entusiástica canção)

Alagados

Todo dia, o sol da manhã vem e lhes desafia,
Trás do sonho pro mundo quem já não queria,
Palafitas, trapiches, barracos, filhos da mesma agonia, ou!!
E a cidade, que tem braços abertos num cartão postal,
Com os punhos fechados na vida real
E nega oportunidades, mostra a face dura do mal, ou!!!
Alagados, gruenstall !!! Favela da maré,
A esperança não vem do mar, vem das antenas de TV,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
Todo dia, o sol da manhã vem e lhes desafia,
Trás do sonho pro mundo quem já não queria,
Palafitas, trapiches, barracos, filhos da mesma agonia, ou!!
E a cidade, que tem braços abertos num cartão postal,
Com os punhos fechados na vida real
E nega oportunidades, mostra a face dura do mal, ou!!!
Alagados, gruenstall !!! Favela da maré,
A esperança não vem do mar, vem das antenas de TV,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
A arte de viver da fé , só não se sabe fé em que,
( solo 1)
Alagados,…
(solo 2)
Alagados,..

Y para quienes quieran ver el clip completo:

Published in: on 25 noviembre 2008 at 1:15 am  Dejar un comentario  

Bailando por todo el mundo (Where the Hell is Matt?)

Where the Hell is Matt? (2008) from Matthew Harding on Vimeo.

También lo encontré en 100 Volando, de Alejandro Rozitchner.

Published in: on 15 noviembre 2008 at 3:04 am  Dejar un comentario  

Bailando por todo el mundo (Where the Hell is Matt?)

http://vimeo.com/moogaloop.swf?clip_id=1211060&server=vimeo.com&show_title=1&show_byline=1&show_portrait=0&color=&fullscreen=1
Where the Hell is Matt? (2008) from Matthew Harding on Vimeo.

También lo encontré en 100 Volando, de Alejandro Rozitchner.

Published in: on 15 noviembre 2008 at 3:04 am  Dejar un comentario